Controle dos Vários Tipos de Estresse para Manutenção da Saúde

R$250,00

Este é um livro baseado na fisiopatologia de inúmeros processos desencadeadores de doenças e classicamente na medicina o estresse sempre ocupou relevante papel. O estresse crônico relacionado às emoções sempre foi fator etiológico de um grande leque de doenças em diferentes órgãos do corpo humano.

Todavia, existem muitos outros tipos de estresses capazes de liberarem cortisol, citocinas, radicais livres e neurohormônios que em excesso podem causar distúrbios orgânicos.

Categoria

Informação adicional

Título

Controle dos Vários Tipos de Estresse para Manutenção da Saúde

Autor

Artur Lemos

Edição

2ª Edição

Resumo

Este é um livro baseado na fisiopatologia de inúmeros processos desencadeadores de doenças e classicamente na medicina o estresse sempre ocupou relevante papel. O estresse crônico relacionado às emoções sempre foi fator etiológico de um grande leque de doenças em diferentes órgãos do corpo humano. Todavia, existem muitos outros tipos de estresses capazes de liberarem cortisol, citocinas, radicais livres e neurohormônios que em excesso podem causar distúrbios orgânicos.

Refiro-me a outras formas de estresse que incluem o estresse inflamatório, o estresse oxidativo, o estresse isquêmico, o estresse metabólico, o  estresse neuronal, o estresse alimentar e o estresse oriundo de desequilíbrio da flora intestinal. Todos eles estão relacionados a inúmeras doenças caso das : doenças Articulares e Alergias, doenças relacionadas à oxidação, doenças Cardiovasculares, Diabete Mellitus e Obesidade, doença de Alzheimer, doença de Parkinson e Esclerose Múltipla.

O livro está dividido em capítulos, um para cada tipo de Estresse, que devem ser lidos em sequência para melhor entendimento. Há grande ênfase para adequada abordagem clínica e tratamento.

Sumário

Introdução

Capítulo 1: ESTRESSE INFLAMATÓRIO

O Processo Inflamatório
A Inflamação crônica
A Relação do Processo Inflamatório Crônico e As Doenças
Disparadores da Inflamação Crônica
Alergenos
Estresse Oxidativo
Disglicemia
Mediadores da Inflamação Crônica
Histamina
Serotonina
Sistema de Complementos
Cininas
Citocinas
Radicais Livres do Oxigênio
Óxido Nítrico
Fator Nuclear Kappa Beta
Toll LIke Receptor
RAGE
Metabólitos do Ácido Araquidônico
Ação Medicamentosa dos Óleos Ômega 3
Como Detectar o Processo Inflamatório Crônico Silencioso Não Infeccioso
PCR
Fibrinogênio
Citocinas Inflamatórias
Marcadores Indiretos de Inflamação
Homocisteína
Albumina
Controle da Inflamação Crônica Silenciosa
Dieta Anti-Inflamatória
Fitoterápicos anti-inflamatórios
Referências

CAPÍTULO 2- ESTRESSE OXIDATIVO

A Teoria do Radical Livre
Estrutura do Átomo
Geração do Radical Livre na Mitocôndria
A Gênese do Radical do Oxigênio
Fontes Não Mitocondriais Geradoras de Radicais Livres
Autooxidação da Dopamina
NADPH Oxidase dos Leucócitos
Óxido Nítrico
Isquemia-Reperfusão
Cascata do Ácido Araquidônico
Glicação
Desintoxicação Hepática
Metabolização do Etanol
Dano Oxidativo Causado Pelos Radicais Livres
Peroxidação Lipídica
Mutações no DNA
Oxidação das Protseínas
Métodos Para Avaliar Radicais Livres
Espectroscopia
Quimioluminescência
Mensuração da Oxidação das Proteínas
Dano Oxidativo ao DNA
Mensuração da Peroxidação Lipídica
Oxidação das Lipoproteínas
LDL Oxidada  Circulante
Referências

CAPÍTULO 3 ESTRESSE ISQUÊMICO

Endotélio Vascular Um Órgão Multifuncional
Controle do Tônus Vasomotor
Evidências do Estresse Oxidativo Na Disfunção Endotelial
Placa de Ateroma. Oxidação da LDL Colesterol
Avaliação Laboratorial da LDL Oxidada
Alvo Terapêutico Circulatório
Manutenção da Função Endotelial
Vitaminas e Antioxidante
Resveratrol
Quercetina
Vitamina C
Carotenóides
Alfatocoferol
Zinco
CoQ10
Ômega 3
Terapia Farmacológica Para a Disfunção Endotelial
Inibidores da NADPHoxidase
Controle dos Níveis do Colesterol
Alternativa ao Uso das Estatinas
Ácido Nicotínico
Red Yeast Rice
Dieta
Fisiopatologia da Isquemia/Reperfusão No Miocárdio
A isquemia
Fontes de Radicais Livres na Isquemia/Reperfusão
Mitocôndria
Xantina-Oxidase
Oxidação das Catecolaminas
Cascata do Ácido Araquidônico
NADPH oxidase
O Papel dos
Neutrófilos
Òxido Nítrico
Tratamento do Estresse Isquêmico
Terapia de Reposição Hormonal e Doença Cardiovascular
Estrogênio, Endotélio e Endotélio
Cálcio e Doença Cardiovascular
Ação da Vitamina K2 No Endotélio
Referências

CAPÍTULO 4 – ESTRESSE METABÓLICO
Receptor da Insulina
Insulina
Resistência à Insulina
Nutrientes Relacionados Ao Metabolismo
Cromo
Vanádio
Zinco
Tratamento da Resistência Á Insulina
Fitoterápicos Úteis
Ativadores do PPAR
Referências

CAPÍTULO 5- ESTRESSE NO APARELHO DIGESTIVO E NA MICROBIOTA
INTESTINAL
Metabolismo dos Carbohidratos
Metabolismo das Proteínas
Metabolismo dos Lipídeos
Colesterol
A Função Digestiva. Uma Visão Geral
A Cavidade Oral
A Língua
As Glândulas Salivares
O Estômago
Produção do Ácido Clorídrico
Produção do Muco
Hormônios Gastrointestinais
Gastrite Crônica
Helicobacte pylori
Gastrite Crônica- tratamento
Hipocloridria
Pirose
Hipercloridria
Porção Exócrina do Pâncreas
Fígado e Sistema Biliar
Intestino
Sinais e Sintomas de Um Intestino Doente
Gases
Parasitose
Constipação
Doença Inflamatória Intestinal
Colite Ulcerativa
Doença de Crohn
Síndrome do Intestino Irritável
Hiperpermeabilidade Intestinal
Mecanismos de Barreira Intestinal
Etiologia da Hiperpermeabilidade Intestinal
O Sistema MALT
Exames Diagnósticos
Coprologia Funcional
Recuperação da Mucosa Intestinal
A Técnica dos 4Rs
A Microbiota Humana
Bacteriodetes
A Relação da Microbiota com Distúrbios Metabólicos
Reinoculação de Bactérias “Amigas”
Benefícios da Flora Intestinal
Pró-Bióticos
Pré- Bióticos
Disbiose
Classificação
Tratamento
Doença Celíaca e Intolerância ao Glúten
Cândida
Diagnóstico
Questionário de Avaliação
Tratamento
Dieta
Referências

CAPÍTULO 5- ESTRESSE NEURONAL
Sinapses
Neurotransmissores
A Barreira Hemato-Encefálica
Receptor NMDA
Doenças Neurodegenerativas
As Citocinas no SNC
Estresse Oxidativo no SNC
Proteína Beta Amilóide
Emaranhados Neurofibrilares
Doença de Alzheimer
Doença de Parkinson
Esclerose Lateral Amiotrófica
Esclerose Múltipla
Processo Inflamatório e Depressão
Resumo
Referências

CAPÍTULO 6- ESTRESSE ALIMENTAR
Alergia Alimentar
Reações Não Imunomediadas
Relação Entre Alergia Alimentar, Estresse Crônico, Insulina e
Processo Inflamatório
Métodos Para Determinar Alergias Alimentares
Dietas de Eliminação

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Controle dos Vários Tipos de Estresse para Manutenção da Saúde”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 + 7 =